Linguagem - Língua usbeque

Linguagem  >  Língua usbeque

Língua usbeque

O uzbeque ou usbeque (Oʻzbek tilii ou oʻzbekcha no alfabeto latino; Ўзбек тили no alfabeto cirílico; أۇزبېك ﺗﻴﻠی no alfabeto árabe), é uma língua turcomana, idioma oficial do Usbequistão. Cerca de 23,5 milhões de pessoas usam a língua usbeque como idioma primário, entre eles a maior parte dos usbeques que vivem no Usbequistão e em outros países da Ásia Central. O usbeque pertence à família karluk das línguas turcomanas, e, consequentemente, seu vocabulário e sua gramática estão mais ligados ao idioma uigur, ao mesmo tempo em que foi influenciado pelo persa, pelo árabe e pelo russo.

Os falantes de idiomas turcomanos provavelmente se estabeleceram nas bacias dos rios Amu Dária, Sir Dária e Zeravshan desde pelo menos o século VII, gradualmente expulsando os falantes de idiomas indo-europeus que habitavam anteriormente a Sogdiana, a Báctria e a Corásmia, ou alterando seus falares. A primeira dinastia turcomana na região foi a dos karakhanidas, entre os séculos IX e XII.

O usbeque pode ser considerado como um descendente direto ou uma forma tardia do chagatai, o idioma do grande desenvolvimento literário turcomano ocorrido na Ásia Central durante o reino de Chagatai Khan, Tamerlão e os timúridas. O idioma foi defendido por Ali-Sher Nawa'i nos séculos XV e XVI. Baseado na variante karluk dos idiomas turcomanos, a língua usbeque continha diversas palavras emprestadas do persa e do árabe. Já no século XIX não era mais utilizado com frequência para composições literárias.

O termo "uzbeque", quando aplicado a um idioma, teve diferentes significados ao longo do tempo. Antes de 1921 "uzbeque" e "sart" eram considerados como dialetos diferentes da mesma língua; o "uzbeque" era um dialeto kiptchak com harmonia vocálica falado pelos descendentes daqueles que chegaram na Transoxiana com Shaybani Khan no século XVI, e que viviam principalmente em torno de Bucara e Samarcanda, embora o idioma turcomano falado em Tashkent também tenha harmonia vocálica; "Sart" era o dialeto karluk falado pelas populações assentadas anteriormente na região do vale de Fergana e na região de Kashkadar, e em algumas partes do óblast de Samarcanda, que continha uma presença mais pesada de influências persas e árabes, e não utilizava a harmonia vocálica. Em Khiva os falantes do sarts utilizavam uma forma do turcomano oguz altamente persianizado. Depois de 1921, o regime soviético aboliu o uso do termo "sart" considerando-o ofensivo, e decretou que a partir de então toda a população turcomana do Turquestão deveria ser conhecida como "uzbeque", mesmo aqueles que não pertenciam ao grupo tribal uzbeque. A língua escrita padrão que foi escolhida para a nova república em 1924, no entanto, não foi o "uzbeque" pré-revolucionário, e sim o "sart" da região de Samarcanda, apesar dos protestos de bolcheviques uzbeques como Faizullah Khodjaev. Os três dialetos ainda continuam a existir dentro do atual uzbeque oral.

País

Afeganistão

O Afeganistão (em e :, Afġānistān), oficialmente República Islâmica do Afeganistão é um Estado soberano sem litoral, localizado no centro da Ásia, estando na encruzilhada entre o Sul da Ásia, a Ásia Central e a Ásia Ocidental. Povoado por cerca de 34 milhões de habitantes, tem uma área de, sendo o 40.º país mais populoso do mundo e o 40.º maior do mundo em área. Faz fronteira com o Paquistão ao sul e ao leste, com o Irã ao oeste, com o Turcomenistão, Uzbequistão e Tajiquistão ao norte e com China no nordeste. O território do Afeganistão foi um ponto essencial para a rota da seda e para a migração humana. Arqueólogos encontraram evidências de presença humana remontantes ao Paleolítico Médio . A civilização urbana pode ter começado entre e

O país fica em uma localização geoestratégica importante que liga o Oriente Médio com a Ásia Central e o subcontinente indiano, tendo sido a casa de vários povos através dos tempos. A terra tem testemunhado muitas campanhas militares desde a Antiguidade, as mais notáveis feitas por Alexandre o Grande, Chandragupta Máuria, Gêngis Cã, pela União Soviética e, mais recentemente, pelos Estados Unidos e pela OTAN. Também foi local de origem de várias dinastias locais como os Greco-bactrianos, Cuchanas, Safáridas, Gaznévidas, Gúridas, Timúridas, Mogóis e muitos outros que criaram seus próprios impérios.

Quirguistão

O Quirguistão (em quirguiz: Кыргызстан, translit.: Kırgıstan ; Кыргызстан, translit.: Kyrgyzstan), por vezes Quirguizistão ou ainda Quirguízia, oficialmente República Quirguiz (em quirguiz: Кыргыз республикасы, translit.: Kırgız Respublikası; em russo: Кыргызская Республика, translit.: Kyrgyzskaya Respublika), é um país da Ásia Central, ex-integrante da antiga União Soviética. Tem fronteira ao norte com o Cazaquistão, a oeste com o Uzbequistão, a sul com o Tajiquistão e a leste com a China. Sua capital é Bisqueque, a maior cidade do país.

A história do Quirguistão remonta a mais de 2000 anos, abrangendo uma variedade de culturas e impérios. Apesar de geograficamente isolado por seu terreno montanhoso - o que tem ajudado a preservar sua cultura milenar - o Quirguistão tem sido colocado historicamente na encruzilhada de várias grandes civilizações, ou seja, como parte da Rota da Seda e outras rotas comerciais e culturais. Embora longamente habitado por uma sucessão de tribos e clãs independentes, o Quirguistão caiu periodicamente sob a dominação estrangeira, devido à sua localização estratégica, atingindo soberania como um Estado soberano somente após a dissolução da União Soviética, em 1991.

Turquemenistão

O Turquemenistão ou Turcomenistão (em turcomeno: Türkmenistan, ; antigamente em alfabeto cirílico: Түркменистан) é um país situado na Ásia Central. Faz fronteira com o Cazaquistão a noroeste, Uzbequistão a nordeste e leste, Afeganistão a sudeste, Irã ao sul e sudoeste, e o Mar Cáspio a oeste.

O atual Turquemenistão encontra-se em territórios que já foram caminhos usados por civilizações por séculos. Na Idade Média, Merv (hoje a cidade de Mary) era uma das grandes cidades do mundo islâmico, e um importante ponto de parada na Rota da Seda, uma imensa rota usada para o comércio com a China até meados do. Anexado ao Império Russo em 1881, o Turquemenistão chegou a ter um papel proeminente no movimento anti-bolchevique na Ásia Central. Em 1924, o Turquemenistão tornou-se uma república constituinte da União Soviética, a República Socialista Soviética Turcomena (RSS Turcomena); tornou-se independente após a dissolução da URSS em 1991.

Uzbequistão

O Uzbequistão ou Usbequistão, oficialmente República do Uzbequistão, é um país duplamente encravado localizado na Ásia Central, composto de doze províncias, uma república autônoma e a capital Tasquente. O Uzbequistão faz fronteira com o Cazaquistão ao norte, o Tajiquistão a sudeste, o Quirguistão a nordeste, o Afeganistão ao sul e o Turcomenistão a sudoeste.

A região onde o país atualmente situa-se fazia parte do Canato Túrquico e, posteriormente, dos Impérios Timúridos, sendo conquistada no início do século XVI por nômades turcomanos. Seu território foi gradualmente incorporado pelo Império Russo no decorrer do século XIX, e, em 1924, tornou-se uma república constituinte da União Soviética, a República Socialista Soviética Uzbeque. Três meses antes da dissolução da URSS, declarou sua independência no dia 31 de agosto de 1991.

Linguagem

Uzbek language (English)  Lingua uzbeca (Italiano)  Oezbeeks (Nederlands)  Ouzbek (Français)  Usbekische Sprache (Deutsch)  Língua usbeque (Português)  Узбекский язык (Русский)  Idioma uzbeko (Español)  Język uzbecki (Polski)  乌孜别克语 (中文)  Uzbekiska (Svenska)  Limba uzbecă (Română)  ウズベク語 (日本語)  Узбецька мова (Українська)  Узбекски език (Български)  우즈베크어 (한국어)  Uzbekin kieli (Suomi)  Bahasa Uzbek (Bahasa Indonesia)  Uzbekų kalba (Lietuvių)  Usbekisk (Dansk)  Uzbečtina (Česky)  Özbekçe (Türkçe)  Узбечки језик (Српски / Srpski)  Usbeki keel (Eesti)  Uzbečtina (Slovenčina)  Üzbég nyelv (Magyar)  Uzbečki jezik (Hrvatski)  ภาษาอุซเบก (ไทย)  Uzbeku valoda (Latviešu)  Ουζμπεκική γλώσσα (Ελληνικά)  Tiếng Uzbek (Tiếng Việt) 
 mapnall@gmail.com