Linguagem - Língua mongol

Linguagem  >  Língua mongol

Língua mongol

A língua mongol, língua mongolesa ou mongol (oficialmente khalkha-mongol) é a mais conhecida das línguas mongólicas. É o idioma oficial da República da Mongólia e também é falada em regiões adjacentes na República Popular da China e na Rússia. Desde 1921, por influência soviética, é escrita com o alfabeto cirílico na Mongólia, apesar de ainda ser escrito com o alfabeto mongol em Mongólia Interior, na China.

Na China, a partir de 1973 começou o ressurgimento interno da língua quando seu uso e desenvolvimento foram encorajados por políticos como Deng Xiaoping, favorecendo minorias de oito províncias e regiões autônomas do norte do país.

Ainda existe controvérsia entre linguistas sobre classificar-se ou não as línguas mongois entre as línguas altaicas, família à qual também pertencem as línguas turco-tártaras, as línguas tungúsicas (faladas na Sibéria) e provavelmente também o coreano e o japonês. Sabe-se, porém, que o mongol é aparentado à língua buriata, falada pela etnia buriata do leste da Sibéria. É também relacionado com as línguas mongólicas do Afeganistão.

Alguns sítios web especializados, como o Ethnologue, consideram o mongol falado na Mongólia (Khaklha Mongol) e o mongol falado na China (mongol periférico) como duas línguas diferentes, atribuíndo-lhes códigos diferentes.

País

Mongólia

Mongólia (mongol: Монгол улс, literalmente país/nação mongol, 30px) é um país sem costa marítima localizado na Ásia Oriental e Central. Faz fronteira com a Rússia no norte e com a República Popular da China no sul, leste e oeste. Embora a Mongólia não partilhe uma fronteira com o Cazaquistão, o seu ponto mais ocidental é de apenas 38 quilômetros da ponta leste do Cazaquistão. Ulan Bator, a capital e maior cidade, é o lar de 45% da população do país. O sistema político vigente na Mongólia é de uma república semipresidencialista.

A área do que é hoje a Mongólia foi governada por diversos impérios nômades, incluindo Xiongnu, Xianbei, Rouran, Goturcos e outros. O Império Mongol foi fundado por Genghis Khan em 1206. Após o colapso da Dinastia Yuan, os mongóis voltaram para os seus padrões. Nos séculos XVI e XVII, a Mongólia ficou sob a influência do Budismo tibetano. No final do século XVII, a maior parte da Mongólia havia sido incorporada à área governada pela Dinastia Qing. Durante o colapso da dinastia Qing, em 1911, a Mongólia declarou sua independência, mas teve de lutar até 1921 para estabelecer firmemente sua independência de facto e até 1945 para ganhar reconhecimento internacional. Como conseqüência, ficou sob forte influência russa e soviética: Em 1924, a República Popular da Mongólia foi declarada e a política mongol começou a seguir os mesmos padrões da política soviética da época. Após o colapso dos regimes comunistas na Europa Oriental no final de 1989, a Mongólia viu a sua própria Revolução Democrática no início de 1990, que levou a um sistema multipartidário, uma nova constituição em 1992, e — em bruto — a transição para uma economia de mercado.

Linguagem

Mongolian language (English)  Lingua mongola (Italiano)  Mongools (Nederlands)  Mongol (Français)  Mongolische Sprache (Deutsch)  Língua mongol (Português)  Монгольский язык (Русский)  Idioma mongol (Español)  Język mongolski (Polski)  蒙古语 (中文)  Mongoliska (Svenska)  Limba mongolă (Română)  モンゴル語 (日本語)  Монгольська мова (Українська)  Монголски език (Български)  몽골어 (한국어)  Halha-mongolin kieli (Suomi)  Bahasa Mongol (Bahasa Indonesia)  Mongolų kalba (Lietuvių)  Mongolsk (Dansk)  Mongolština (Česky)  Moğolca (Türkçe)  Монголски језик (Српски / Srpski)  Mongoli keel (Eesti)  Mongolčina (Slovenčina)  Mongol nyelv (Magyar)  ภาษามองโกเลีย (ไทย)  Mongoļu valoda (Latviešu)  Μογγολική γλώσσα (Ελληνικά)  Tiếng Mông Cổ (Tiếng Việt) 
 mapnall@gmail.com