Linguagem - Língua húngara

Linguagem  >  Língua húngara

Língua húngara

O húngaro (magyar), também conhecido como magiar, é um idioma pertencente ao grupo fino-úgrico da família das línguas urálicas, sendo de todas a mais amplamente falada, superando 14 milhões de falantes.

É também a mais falada das línguas não indo-europeias na Europa. O húngaro é a língua oficial da Hungria, uma das 24 línguas oficiais da União Europeia, e é falado também por comunidades de etnia húngara em sete países vizinhos, especialmente na Romênia, Eslováquia e Sérvia.

De seu lugar original nos Montes Urais, onde suas línguas irmãs vivem (khanti, mansi), as tribos magiares deslocaram-se para o oeste no século IX. Sob a liderança de Árpád, o deslocamento foi completado em 896.

Os textos mais antigos em húngaro procedem do final do século XII (Halotti Beszéd - "Oração fúnebre"), onde aparece o nome magyar pela primeira vez para designar os falantes da língua, da mesma forma que o mesmo termo já aparece em fontes muçulmanas e bizantinas como designação tribal nos séculos IX e X. No século XIII há uma quantidade considerável de registros escritos, procedendo dessa época o texto Ómagyar Mária Siralom "Lamento de Maria".

O século XV viu um brilhante renascimento durante o reinado de Matias I Corvino. Após o desastre nacional da batalha de Mohács, onde os húngaros foram derrotados pelos turcos, seguiu-se uma longa e lenta recuperação até o século XIX, quando o movimento revolucionário produziu dois grandes poetas: Petöfi Sándor e Arany János.

Os primeiros livros impressos em húngaro foram editados na Cracóvia (livros escolares de János Sylvester em latim e húngaro, de 1527, e as Cartas de Pál Zenth por Benedek Komjáti, de 1533) e em Viena (Fábulas de Esopo e o Novo Testamento, de 1536, ambos por Gábor Pesti). O primeiro livro em húngaro impresso na Hungria foi a tradução que János Sylvester fez do Novo Testamento que foi publicado em Sárvár em 1541.

Os períodos da história desta língua são os seguintes:

* Proto-húngaro: período urálico até 1000 a.C.

* Húngaro arcaico: de 1000 a.C. até 896 d.C.

* Húngaro antigo: de 896 até o século XVI

País

Eslováquia

Eslováquia (Slovensko; ), cujo nome oficial é República Eslovaca (Slovenská republika; ), é um país na Europa Central. É limitado pela República Checa e pela Áustria a oeste, pela Polônia ao norte, pela Ucrânia ao leste e Hungria ao sul. O território eslovaco se estende por cerca de 49 mil quilômetros quadrados e é em grande parte montanhoso. A população é de mais de 5 milhões e é composta principalmente de eslovacos étnicos. A capital e maior cidade é Bratislava. A língua oficial é o eslovaco, um membro da família de línguas eslavas.

Os eslavos chegaram no território atual da Eslováquia nos séculos V e VI. No século VII, desempenharam um papel significativo na criação do império de Samo e no estabelecimento do Principado de Nitra, no século IX. No século X, o território foi integrado ao Reino da Hungria, que se tornou parte do Império Habsburgo e do Império Austro-Húngaro.

Hungria

Hungria (Magyarország, ) é um país localizado na Europa Central, especificamente na Bacia dos Cárpatos. Faz fronteira com a Eslováquia ao norte, Romênia ao leste, Sérvia ao sul, Croácia a sudoeste, Eslovênia a oeste, Áustria a noroeste e Ucrânia a nordeste. A capital do país é a cidade de Budapeste. A Hungria é membro da União Europeia, da OTAN, da OCDE, do Grupo de Visegrád e do Espaço Schengen. A língua oficial é o húngaro, que é a língua não indo-europeia mais falada na Europa.

Após séculos de sucessiva ocupação de celtas, romanos, hunos, eslavos, gépidas e ávaros, a Hungria foi fundada no final do pelo grão-príncipe húngaro Arpades durante o Honfoglalás ("conquista da pátria"). Seu bisneto Estêvão I subiu ao trono no ano 1000, quando converteu o país para um reino cristão. Até o, a Hungria era uma potência média no mundo ocidental, alcançando seu auge no. Após a Batalha de Mohács, em 1526, e de cerca de 150 anos sob ocupação otomana (1541-1699), a Hungria ressurge sob o domínio dos Habsburgos e, mais tarde, formou uma parte significativa do Império Austro-Húngaro (1867-1918).

Montenegro

Montenegro (em montenegrino: Crna Gora / Црна Гора,, literalmente "montanha negra") é uma pequena república montanhosa situada nos Balcãs, no sudeste da Europa, que faz fronteira com o mar Adriático a sudoeste, com a Albânia e o Cosovo a sudeste, com a Bósnia e Herzegovina e uma pequena fronteira com a Croácia a noroeste, e com a Sérvia a nordeste. A sua capital é a cidade de Podgorica.

Entre 1945 e 1991, e desde então até 2003, foi uma das repúblicas constituintes da República Socialista da Jugoslávia e da República Federal da Jugoslávia, respectivamente; desde então e até Junho de 2006, foi uma das duas repúblicas que integraram o Estado da Sérvia e Montenegro.

República Socialista Soviética Ucraniana

A Ucrânia (Україна,, ) é um país da Europa Oriental que faz fronteira com a Rússia a leste e nordeste; Bielorrússia a noroeste; Polônia, Eslováquia e Hungria a oeste; Romênia e Moldávia a sudoeste; e Mar Negro e Mar de Azov ao sul e sudeste, respectivamente. O país possui um território que compreende uma área de 603.628 quilômetros quadrados, o que o torna o maior país totalmente no continente europeu.

O território ucraniano começou a ser habitado há cerca de 44 mil anos e acredita-se que a região seja o lar da domesticação do cavalo e da família de línguas indo-europeias. Na Idade Média, a nação se tornou um polo da cultura dos eslavos do leste, conhecido como a poderosa Rússia de Quieve. Após a sua fragmentação no, a Ucrânia foi invadida, governada e dividida por uma variedade de povos. Uma república cossaca surgiu e prosperou durante os séculos XVII e XVIII, mas a nação permaneceu dividida até sua consolidação em uma república soviética no. Tornou-se um Estado-nação independente apenas em 1991.

Roménia

é uma república unitária semipresidencialista localizada no centro-sudeste da Europa, no norte da península dos Bálcãs e na costa ocidental do mar Negro. O país faz fronteira com Hungria, Sérvia, Ucrânia, Moldávia e Bulgária, abrangendo um território de 238 391 quilômetros quadrados com um clima predominantemente temperado-continental.

Com 20,1 milhões de habitantes, é o sétimo membro mais populoso da União Europeia (UE). Sua capital e maior cidade, Bucareste, é a sexta maior cidade da UE. Cerca de 90% da população identifica-se como praticantes da Ortodoxia Oriental e são falantes nativos do romeno, uma língua românica. Com uma rica história cultural, a Romênia tem sido o lar de artistas, músicos e inventores influentes e apresenta uma variedade de atrações turísticas, como o "Castelo do Drácula".

Sérvia

A Sérvia (Србија, transl. Srbija, ), oficialmente República da Sérvia (em sérvio: Република Србија, transl. Republika Srbija, ), é um país europeu, cuja capital é Belgrado, localizado no sudeste da Europa, na região balcânica. Faz fronteira a sudoeste com Montenegro, país do qual se separou em 2006, a oeste com a Bósnia e Herzegovina, a noroeste com a Croácia, ao sul com a Macedônia do Norte e com a Albânia, ao leste com a Romênia e com a Bulgária e ao norte com a Hungria.

A maioria albanesa instalada no Kosovo proclamou unilateralmente a "independência" da província do sul em 17 de fevereiro de 2008 como a "República do Kosovo", apesar da ocupação militar e da limpeza étnica levada a cabo contra parte da população mediante a expulsão e a eliminação física.

Áustria

Áustria (Österreich ), oficialmente República da Áustria (em alemão: ), é um país de cerca de 8,9 milhões de habitantes, localizado na Europa Central. É limitada pela Alemanha e República Checa a norte, Eslováquia e Hungria a leste, Eslovênia e Itália a sul, e Suíça e Liechtenstein a oeste. O território da Áustria abrange 83 872 quilômetros quadrados e é influenciado por um clima temperado e alpino. O terreno da Áustria é muito montanhoso, devido à presença dos Alpes; apenas 32% do país é inferior a 500 metros de altitude e seu ponto culminante chega aos 3797 metros. A maioria da população fala alemão, que também é língua oficial do país. Outros idiomas regionais reconhecidos são croata, húngaro e esloveno.

As origens da Áustria remetem-se ao tempo do Império Romano, quando o Reino Nórico, de origem celta, foi conquistado pelos romanos por volta de 15 a.C. e, mais tarde, tornou-se Nórica, uma província romana, em meados do século I d.C., em uma área que abrangia a maior parte da Áustria atual. Em 788 d.C., o rei franco Carlos Magno conquistou a área e introduziu o cristianismo. Sob a dinastia nativa dos Habsburgo, a Áustria tornou-se uma das grandes potências da Europa. Em 1867, o Império Austríaco uniu-se à Hungria, formando assim a Áustria-Hungria.

Linguagem

Hungarian language (English)  Lingua ungherese (Italiano)  Hongaars (Nederlands)  Hongrois (Français)  Ungarische Sprache (Deutsch)  Língua húngara (Português)  Венгерский язык (Русский)  Idioma húngaro (Español)  Język węgierski (Polski)  匈牙利语 (中文)  Ungerska (Svenska)  Limba maghiară (Română)  ハンガリー語 (日本語)  Угорська мова (Українська)  Унгарски език (Български)  헝가리어 (한국어)  Unkarin kieli (Suomi)  Bahasa Hongaria (Bahasa Indonesia)  Vengrų kalba (Lietuvių)  Ungarsk (Dansk)  Maďarština (Česky)  Macarca (Türkçe)  Мађарски језик (Српски / Srpski)  Ungari keel (Eesti)  Maďarčina (Slovenčina)  Magyar nyelv (Magyar)  Mađarski jezik (Hrvatski)  ภาษาฮังการี (ไทย)  Madžarščina (Slovenščina)  Ungāru valoda (Latviešu)  Ουγγρική γλώσσα (Ελληνικά)  Tiếng Hungary (Tiếng Việt) 
 mapnall@gmail.com